Aprenda a diferenciar custos de despesas

Em época de crise, as empresas buscam se reorganizar para cortar custos e despesas, visando a retomada do equilíbrio financeiro ao negócio. Entretanto, esse é um movimento tão saudável que deve ser feito periodicamente, não só nos períodos de crise, para otimizar os resultados e aumentar a margem de lucro da empresa.

Aqui, apresentamos os conceitos básicos de custos e despesas para te ajudar se posicionar melhor entre um e outro no momento de rever o orçamento.

Custos

Estão ligados à atividade principal da empresa. São custos fixos, que se repetem todos os meses. Em outras palavras, é o valor gasto com bens e serviços para a produção de outros bens e serviços. Se o negócio é um restaurante, por exemplo, os custos se referem à matéria prima, mão de obra, infraestrutura e tudo o que é necessário para garantir o seu bom funcionamento.

Despesas

São os gastos com combustível, telefone, divulgação do negócio. Tratam-se das despesas que a empresa precisa ter para manter a estrutura funcionando, mas não contribuem diretamente para a produção de novos itens a serem comercializados.

Custos x despesas

Os custos podem ser atribuídos ao produto final. É possível incorporar o valor investido com os custos fixos ao preço do produto ou serviço. Já as despesas dificilmente podem ser incorporadas, porque são variáveis e não necessariamente aparecem todos os meses.

Para entender melhor a diferença entre os dois, pergunte-se: se eu eliminar esse gasto, a produção ou obtenção de estoques será diretamente afetada? Se a resposta for positiva, o gasto se refere a um custo. Caso contrário, será uma despesa.

Sempre que possível, prefira cortar despesas ao invés dos custos, porque elas não impactarão diretamente na produção e na qualidade do produto ofertado ao consumidor final. E antes de determinar os cortes, procure fazer um planejamento e projetar os impactos que essa medida trará a curto, médio e longo prazo.

A saúde financeira do seu negócio agradecerá!  🙂

Camila Teodoro
Camila Teodoro aprendeu desde cedo que o dinheiro só tem sentido se servir para impulsionar sonhos. É economista e especialista em administração de empresas, defensora da economia colaborativa e de novos modelos de negócio. Seu objetivo é descomplicar a vida financeira do empreendedor, colocar seu negócio nos trilhos e fazê-lo crescer.
Camila Teodoro on Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *